pt
frenesitdeplnlruidja

Como construir uma poderosa LinkedIn content strategy ?

show table of contents

Quer criar uma LinkedIn content strategy forte ? Mas não sabe por onde começar? 🤔 Actualmente, o LinkedIn tornou-se uma rede social cada vez mais competitiva em termos de LinkedIn content strategy. Portanto, é necessário um bem no LinkedIn e compreender o algoritmo para poder melhorar o seu alcance a um grande público. 🎯

O que inclui uma estratégia do LinkedIn?

Aqui estão os pontos que iremos abordar a seguir: 🔎

  • Criar uma LinkedIn content strategy digital para atingir 1M de visualizações por mês e aumentar a sua credibilidade.
  • Não precisa de ser um influenciador ou um comerciante para saber o que publicar no LinkedIn!
  • Desenvolver o conhecimento da marca e trabalhar na geração de leads ao mesmo tempo!
  • P&R sobre como passar de nunca ter publicado para alcançar uma audiência global graças às nossas dicas de marketing de conteúdos digitais.
  • Como ultrapassar o 1º post no LinkedIn e como ultrapassar a síndrome do impostor.
  • A importância de se divertir a publicar no LinkedIn e de criar a sua própria rede de ligações qualitativas.
  • As principais linhas da estratégia editorial de conteúdos de meios de comunicação social e como optimizá-la posteriormente para poupar tempo.
  • A definição de uma linha editorial que funcione, escrevendo mensagens envolventes no LinkedIn.

Se quiser ver o LinkedIn ao vivo depois, pode consultar a “replay” aqui. 😉

Porquê definir uma estratégia do LinkedIn?

Para que o seu perfil seja visível, precisa de se destacar da multidão e sobressair! No LinkedIn, pode:

  • Mostrar os seus produtos / serviços.
  • Desenvolver a sua rede.
  • Prospecção.
  • Combine com profissionais do seu sector.
  • Aumentar a visibilidade e a sensibilização.

Aqui estão 5 razões para definir uma estratégia LinkedIn⬇️.

#1. Seja visível para os seus clientes

O LinkedIn é A plataforma profissional número um no mundo! 🌍 Com nada menos que 810 milhões de utilizadores, esta plataforma é para empresários, pessoas à procura de emprego, empregados ou mesmo recrutadores. Quem diz profissional, diz reunião de profissionais! O LinkedIn permite partilhar, promover e trocar sobre um tema, um produto, uma empresa e muitas outras coisas. Ao partilhar conteúdos interessantes e envolventes, pode chegar a uma audiência e persuadi-los de que é A pessoa que irá resolver os seus problemas. Para saber mais, consulte o nosso guia de Marketing LinkedIn 📖.

#2. Promova a sua página de empresa no LinkedIn

Criar uma página de empresa no LinkedIn é uma forma gratuita de fazer crescer o seu negócio, uma vez que a maioria dos utilizadores serão tentados ou quererão saber mais e clicar no seu website. Não hesite em preencher o máximo de informação possível sobre o seu negócio, quanto mais completo ele for, mais aumentará a sua visibilidade! 👀

O que devo colocar na minha página da empresa?

Imagine que a sua página de empresa no LinkedIn é como o seu cartão de visita. Todos podem aprender rapidamente sobre a tua informação e a cultura da tua empresa. Aqui estão algumas dicas rápidas para a página da tua empresa:

  • Lembre-se de acrescentar a descrição da empresa (entre 250 e 2.000 caracteres no máximo).
  • Não se esqueça do URL do seu website 🌐.
  • Se tiver um alvo internacional, optimize o nome e a descrição de acordo com cada um deles.
  • Adicione uma imagem do perfil e um banner adaptado ao seu mercado e à sua empresa.
  • Não hesite em acrescentar um CTA “contacte-nos” ou mesmo “verifique o sítio web”.

à-propos-de-nous

Pode encontrar mais informações sobre como criar uma página de empresa no LinkedIn aqui!

Deverá utilizar a sua página de empresa no LinkedIn?

Pode estar a perguntar-se se deve residir na sua página de empresa do LinkedIn, a resposta é não. Não se preocupe com a sua página de empresa do LinkedIn, irá desperdiçar a sua energia em resultados que não corresponderão às suas expectativas! Explicaremos brevemente porquê: 👇🏼

Queremos a coisa real!

Embora o LinkedIn seja uma rede social profissional, não tem de publicar constantemente conteúdos hipercorporativos e promover a sua “novíssima máquina de café X-3000 e o seu depósito que pode conter até 1kg de café, disponível em todas as lojas de retalho”! Pessoalmente, isto não me atrai muito, queremos algo mais novo e nítido, que se destaque de um anúncio lambda.

Atrás de cada empresa há seres humanos

Tendemos frequentemente a apresentar o produto, a empresa, as instalações, as funcionalidades, mas deixamos de lado o aspecto humano, os empregados, os CEOs. No entanto, afeiçoamo-nos muito mais rapidamente a uma pessoa do que a uma empresa, porque as suas publicações suscitam em nós emoção. Tomemos o exemplo do Google, aqui está um exemplo de uma publicação que publicaram através da página da empresa LinkedIn Google ⬇️.

Publication Linkedin page entreprise google

E agora, aqui está uma publicação de um empregado no Google ⬇️.

Publication employée chez Google <strong>Linkedin</strong>

Os resultados são inequívocos, podemos ver claramente que a taxa de compromisso é significativamente mais elevada 📈 sobre a publicação do funcionário no Google do que na própria empresa.

Baixa taxa de compromisso do LinkedIn

Como viu anteriormente, a pessoa está mais viciada pelo conteúdo do empregado do que pelo conteúdo da empresa. Como resultado, as pessoas gostam e comentam nas páginas da empresa com menos frequência e obtêm menos opiniões. A proporção de “tempo gasto” na página da empresa e “retorno da análise” deixa algo a desejar…

Algoritmo LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social profissional gratuita. Tal como o Facebook ou Instagram, o algoritmo do LinkedIn diminui o alcance orgânico (gratuito) das mensagens das páginas, a fim de patrocinar para obter mais visibilidade e mais pistas.
Basicamente, obterá em média 5 a 10 vezes menos visualizações para o mesmo post, sem aumentar a visibilidade da sua rede. A este ritmo, mais vale concentrar-se mais no seu perfil profissional do que na sua página de empresa no LinkedIn.

#3. Construa uma comunidade em torno da sua marca/produto

Porque deve criar uma comunidade em torno da sua marca que possa perguntar? 🤔 A resposta é simples:

  • Desenvolva a confiança entre si e as suas perspectivas.
  • Os seus prospectos geram interesse na sua marca.
  • As pessoas da sua comunidade podem telefonar a outros clientes.

De uma perspectiva geral, conhecer melhor o seu público é primordial para o desenvolvimento bem sucedido da sua comunidade. Não hesite em interagir com a sua comunidade através de mensagens e inquéritos, a fim de ganhar a sua confiança e de conhecer melhor os seus gostos. Além disso, vai colher os benefícios, mas quais? 👀

Trabalhe na sua lealdade

Estará mais próximo dos seus clientes, estará no centro dos seus problemas. Graças a isto, será estabelecido um clima de confiança, que fará da vossa comunidade a vossa primeira alavanca de lealdade, e isso, nós adoramos! Se quiserem saber mais, tudo está neste artigo!

Os vossos membros tornam-se os vossos embaixadores

E se eu lhe dissesse que alguns dos seus vendedores eram membros da sua comunidade? Sim, lê correctamente, convidando os potenciais clientes a virem à sua comunidade, eles podem interagir directamente com os membros e descobrir a sua marca sem a sua intervenção. Vê onde quero chegar com isto? A sua comunidade torna-se uma alavanca de confiança para os seus potenciais clientes! 🤝🏼

#4. Para prospectar no LinkedIn

A fim de fazer crescer o seu negócio, é essencial criar uma campanha de prospecção. Como sabe (ou não), o LinkedIn permite-lhe recolher informações sobre um prospecto:

  • Localização.
  • Empresa.
  • Posição.

collecter-infos-2

  • Tempo de trabalho na empresa.
  • Experiência.
  • Formação.

collecter-infos-1

O que é a prospecção no LinkedIn?

A prospecção no LinkedIn permite-lhe :

  • Contactar potenciais profissionais que ainda não tenham aderido à sua rede 🧑🏽🤝🧑🏼.
  • Utilizar filtros de pesquisa específicos para atingir os potenciais clientes 🎯.
  • Expandir a sua visibilidade 📈.

Porquê prospecção no LinkedIn?

Conhecida como a primeira rede social profissional, o LinkedIn é A rede social mais adequada para a prospecção de negócios de todos os tipos. Tenha em mente que os utilizadores no LinkedIn existem apenas para fins comerciais, pelo que não é provável que tropece no pequeno-almoço da Chloe ou num vídeo de mordaça de um chat (embora) 🤔.

A prospecção permite-lhe encontrar potenciais prospectos, que mais tarde (se estiverem interessados e confiarem em si), podem investir no seu produto.

Prospecção, para além do correio electrónico

Durante muitos anos, o correio electrónico tem sido utilizado para contactar um número muito grande de pessoas a um baixo custo. No entanto, é tudo muito bom enviar e-mails, mas a quem? De facto, é necessário ter uma grande base de dados de correio electrónico, e para isso, ou é necessário :

  1. Raspe a base de dados ➡️ esta solução levar-lhe-á muito tempo e será menos eficaz.
  2. Compre a base de dados ➡️ esta solução custar-lhe-á muito dinheiro.

No LinkedIn, tem uma base de dados já existente, gratuita, que está apenas à sua espera! Com mais de 600 milhões de membros, já dispõe de todas as informações necessárias para a sua prospecção (localização, posição, sector de actividade, experiência…).
Graças à utilização do Sales Navigator, pode alcançar uma mira quase infinita! ♾️ Terá compreendido, graças à prospecção LinkedIn, que os seus prospectos se sentem pessoalmente dirigidos, privilegiados ❤️.

#5. Automatize a sua prospecção no LinkedIn

A automatização da sua prospecção no LinkedIn inclui: 👇🏼

  • Recolha de dados.
  • Solicitar ligações no LinkedIn.
  • Envio de e-mails.
  • Acompanhamento dos comportamentos dos seus utilizadores.
  • Rastreamento de pistas.

Desapareceram os dias em que passou horas a concentrar-se exclusivamente na prospecção, agora tem tempo para se concentrar em outras coisas. No LinkedIn, é inteiramente possível automatizar a sua prospecção com ferramentas de automatização.

Ferramenta de automatização gratuita no LinkedIn

É tempo de lhe falar sobre a nossa pequena ferramenta de automatização LinkedIn: Waalaxy 👽. Com a nossa ferramenta, poderá fazê-lo:

waalaxy-sequences

Se quiser saber mais, seja paciente, terá uma revisão mais detalhada da Waalaxy abaixo.
Entretanto, verifique as 3 principais coisas a não fazer quando prospecção no LinkedIn ⬇️

 

1. Saia das letras maiúsculas na sua mensagem LinkedIn

Uma mensagem do LinkedIn não é como um título do Youtube, não há necessidade de agredir os olhos do seu leitor capitalizando cada palavra! (Capitalização da mensagem no LinkedIn) Portanto, seja doce e giro ao escrever no LinkedIn e desbloqueie a tecla shift no seu teclado. 😄

2. Não se esqueça de rever a si mesmo

Pode não lhe parecer grande coisa, mas as mensagens de prospecção do LinkedIn cheias de erros não são muito credíveis… Dicas: se não estiver à vontade com o francês, há muitos correctores ortográficos como o LanguageTool, que pode acrescentar como uma extensão e sem mais erros!

3. Esqueça cerca de 1.000 poemas de palavras

Ok, imagino que tenha um máximo de informação a transmitir na sua mensagem de prospecção do LinkedIn, eu compreendo-o. Contudo, ponha-se no lugar do seu prospecto quando ele abre a sua mensagem e vê um romance de mais de 1.000 caracteres, pessoalmente, isso só me faria querer fechar a mensagem.

Prefira mensagens curtas e impactantes que o chamem a atenção e preste atenção à sua mensagem. Se quiser saber mais sobre como fazer prospecção no LinkedIn, fizemos um artigo sobre este tópico. 🥰

#6. Encontrar clientes no LinkedIn

Quer seja um freelancer ou um negócio, o LinkedIn é um óptimo local para encontrar os seus futuros clientes. Para o fazer, precisa de seguir os seus poucos pequenos passos 👇🏼

Perfil LinkedIn

A fim de encontrar clientes, é crucial preencher o seu perfil, que pode ser semelhante à sua montra! Não se esqueça que a interacção que vai ter entre si e o seu potencial cliente é virtual, por isso tem de cuidar da sua imagem e do seu perfil, e começa com estas etapas : 👇🏼

  • Imagem de perfil LinkedIn: opte por uma imagem de perfil profissional, com um fundo neutro (a saída se auto-selifica na casa de banho), e sorria! 📸
  • Banner do LinkedIn: muito importante, o banner do LinkedIn tem espaço suficiente para integrar as suas ofertas actuais, algumas palavras-chave, ou uma apresentação rápida da sua actividade.
  • Título do Linkedin: o seu perfil é um pouco como o seu CV, e o título faz parte do mesmo. Descreva o que faz, e cause impacto! Se precisar de inspiração, aqui está uma lista de bons títulos do LinkedIn 📓.
    Photo de profil et bannière LinkedIn
  • Experiência e educação: realce as suas experiências que apoiam o seu tom, conte a sua história e o seu trabalho. Quanto mais informação colocar, mais o utilizador saberá sobre si.

Interagir com as suas perspectivas específicas

Quanto mais interagir no LinkedIn, mais visível será o seu perfil. Não hesite em comentar, gostar ou partilhar um post que considere relevante para o seu campo de actividade! PS: os emojis são toda a raiva no LinkedIn, portanto seja ganancioso e sinta-se à vontade para os utilizar ❤️.

Seja activo nos grupos

Juntar-se a grupos é uma óptima forma de mostrar a sua perícia e expandir a sua rede profissional. Lembre-se, se não estiver activo, o LinkedIn não o apresentará, faz parte do algoritmo do LinkedIn. Reserve algum tempo para se juntar a grupos relacionados com a sua área, leva pouco tempo mas, a longo prazo, poupa-lhe muitos minutos ⏲️.

Qual a LinkedIn content strategy a adoptar ?

Não podemos repeti-la o suficiente, definir uma LinkedIn content strategy é crucial para aumentar a sua visibilidade e, portanto, a sua rede. Mas, com todas as estratégias presentes, pode-se colocar a questão de qual é a mais eficaz de acordo com a minha área? A resposta abaixo 👇🏼

Estratégia de prospecção

Normalmente ouvimos dizer que o LinkedIn só é utilizado para recrutamento, o que não é o caso! Pode certamente recrutar, mas também pode procurar novos clientes, partilhar experiências profissionais (e não só) e até divulgar a sua marca. E tudo começa com a procura de perspectivas no LinkedIn, (prometo, não é complicado) 😉.

Encontrar a sua personalidade

A persona é o seu cliente ideal, aquele que melhor corresponde às suas expectativas. Sem ela, é difícil criar uma boa campanha de marketing, por isso, leve o seu tempo a fazê-lo. 🥰 persona-exemple

Se não souber como fazê-lo, aqui estão 5 dicas para o criar. 👈🏼

Cuide do seu perfil

Não podemos dizer-lhe o suficiente, o seu perfil no LinkedIn é como o seu currículo, precisa de ser atractivo e polido. Um lembrete rápido sobre as melhores práticas a ter para um bom perfil no LinkedIn:

  • Tenha um título claro: não se esqueça de indicar a sua posição e a empresa para a qual trabalha, seja claro, o seu potencial cliente deve saber directamente quem você é e o que faz.

  • Tenha uma imagem de perfil profissional: por pena, evite vender no meio de uma festa com uma bebida na mão, não estamos no Tinder, mas numa rede social profissional, por isso adopte um traje e uma atitude profissionais, ganhará credibilidade. 🔝
  • Tenha um resumo impactante: O LinkedIn permite-lhe escrever um pouco mais sobre si próprio, os seus antecedentes, as suas experiências, o que o torna. Não exagere, lembre-se, nós queremos a coisa real! 😊

Filtrar as suas pesquisas

Este é um passo essencial na sua prospecção, visando as suas perspectivas. Palavras-chave relevantes, Sales Navigator, volume de pesquisa, pode impressioná-lo mas, na realidade, não é muito complicado no local, explicamos tudo neste artigo. 📕

O Método AIDA

Embora não me importe, não vamos falar aqui sobre a ópera de quatro actos de Giuseppe Verdi AIDA, mas sobre o método AIDA, frequentemente utilizado no marketing.

  • Advertência.
  • Interesse.
  • Desejo.
  • Acção.

Trata-se de atingir o seu interlocutor com uma mensagem curta, relevante e de venda, encontrando ao mesmo tempo o equilíbrio certo entre incitar técnicas de venda e incitar à curiosidade. Compreenderá melhor nas imagens ⬇️.

LinkedIn content strategy

Ao contrário de uma estratégia LinkedIn Ads, a publicação regular de conteúdos mantém-no visível, sem limite de tempo, enquanto que um anúncio, as pessoas vêem o seu post uma vez, depois a interacção termina. Como pode ver, publicar conteúdo é bom, mas com que frequência? 🤔 Existe um método chamado “TOFU-MOFU-BOFU” que lhe permite encontrar o ritmo de publicação correcto de acordo com o seu público.

TOFU: “Topo do funil”

Este método consiste em publicar desde temas amplos, até temas mais específicos, 3 vezes por semana.

Concentra-se em temas amplos, de modo a atingir o máximo de pessoas, tais como notícias, eventos actuais, recrutamento, gestão, etc. Quanto mais falar sobre vários temas, mais interessará pessoas de diferentes áreas, mais chegará aos utilizadores.

MOFU: “Meio do funil”

Como o nome indica, o “meio do funil” é o meio do seu funil de vendas, ou seja, a ligação entre o seu alvo principal e o seu alvo geral 🎯.

Começamos a entrar um pouco mais em detalhes, com conteúdos relacionados com a sua área, para melhorar a sua imagem de marca, dicas, truques, conselhos de especialistas, em suma, qualquer coisa relacionada com a sua área de especialização. Não estamos ainda a visar utilizadores que irão sucumbir aos seus serviços ou produtos, mas sim aqueles que hesitam e que têm os mesmos problemas.

BOFU: “Fundo do funil”

Aqui está no coração do túnel, escreve directamente para o seu alvo 🔥.
Mesmo assim, tenha cuidado com o seu tipo de conteúdo, evite demasiada “auto-promoção”, o LinkedIn não gosta disso. Concentre-se nos seus objectivos já definidos: aquisição, lealdade, visibilidade, notoriedade.

LinkedIn estratégia de comunicação

A competição no LinkedIn é dura, por isso tem de ser capaz de se destacar dos seus concorrentes. É aqui que entra em jogo o branding pessoal! Um elemento indispensável na sua comunicação, permite-lhe contar os seus fracassos, os seus sucessos, as suas anedotas, os seus conselhos, as suas motivações e inspirações, as suas recomendações.

Amandine Bart publicou uma história de sucesso, o lançamento do seu primeiro livro de SEO, parabéns a ela! 🎊👏🏼 Para melhor o orientar na sua estratégia de comunicação, aqui estão os 3 elementos mais importantes do LinkedIn! 🚀

#1. Os diferentes tipos de conteúdo no LinkedIn

No LinkedIn, pode publicar conteúdos de diferentes formas: ⬇️

  • Mensagens escritas: as mais valorizadas pelo LinkedIn. ❤️
  • Fotos e vídeos.
  • Pesquisas qualificadas.
  • Carrosséis em PDF.

  • Os “memes”

Como pode ver, existem múltiplos tipos de conteúdo, mas concentre-se no formato escrito, é o mais popular! 🥰

#2. Interacções sobre publicações

Tal como o Facebook, o LinkedIn oferece a possibilidade de expressar as suas emoções e reagir a publicações através de diferentes tipos de interacções:

  • 👍🏼The como: em diferentes formas de emojis, dependendo do seu humor, tais como “apoio”, “amor” ou mesmo “engraçado”.
  • 💬The comentário: eficaz para deixar uma mensagem, exprima-se sobre a publicação.
  • ️ The share: útil se quiser partilhar novamente uma publicação que lhe interesse ou que esteja relacionada com o seu campo no seu feed de notícias.
  • 💌 A mensagem privada: uma publicação lembra-lhe uma das suas relações, envie-lhe a publicação em mensagem privada.

interaction-linkedin

#3. Ligação Linkedin

Sabe qual é a diferença entre seguir alguém e ligar-se a ele no LinkedIn? É bastante simples! ➕

Seguir alguém permite-lhe ver a sua actividade, posts e artigos no seu feed de notícias, sem precisar de estar ligado a eles. 🤝🏼

A ligação com alguém permite-lhe fazer a mesma coisa, sendo a única diferença que essa pessoa pode, também, ver os seus cargos e actividade. Como se pode ver, é muitas vezes melhor estabelecer uma ligação com uma pessoa. Para o fazer, basta clicar no botão azul “seguir” no perfil de um utilizador.

Não hesite em anexar uma mensagem personalizada ao seu pedido, para melhorar as suas hipóteses de ser aceite. Se precisar de inspiração, concebemos alguns modelos gratuitos de mensagens de ligação LinkedIn para si. 😉

Estratégia de marketing do LinkedIn

Apesar de esta rede social profissional ser gratuita, o LinkedIn oferece uma ferramenta de marketing: Anúncios do LinkedIn.

Anúncios do LinkedIn

Graças a ela, poderá melhorar o conhecimento da sua marca, gerar pistas qualificadas e desenvolver o seu negócio aumentando o tráfego do seu website. Ok, mas, em que formatos?

  • 📩 A mensagem patrocinada: é-lhe possível enviar mensagens personalizadas na mensagem do LinkedIn dos seus potenciais clientes. Ideal para gerar tráfego no seu website.
  • 😝 Anúncios dinâmicos: esta publicidade personalizada é feita através da utilização de dados de um perfil, tais como empresa, localização, experiência, etc. Muito útil para aumentar o seu tráfego!
  • ⌨️ Anúncios de Texto: exibidos como “Anúncios de Texto”, pode criar CPC (custo por clique de oferta) ou CPM (custo por impressão), e até adicionar um CTA (chamada à acção). 🎯

linkedin-ads

  • 😊Sponsored content: é exibido directamente no noticiário do seu público-alvo, graças a dados exactos.

Quanto ao preço, este varia, porque o LinkedIn Ads funciona com um sistema de licitação.
Para simplificar, pode escolher entre custo por mil, para construir a sua imagem de marca, ou custo por clique, para gerar leads. 📈 Não hesite em estimar o seu orçamento para que mais tarde o possa optimizar da melhor forma possível. Convido-vos a ler este artigo se quiserem saber mais sobre os Anúncios do LinkedIn.

Estratégia de automatização

Poupando muito tempo e dinheiro, a automatização no LinkedIn permite-lhe enviar várias mensagens de ligação automaticamente, não havendo mais tempo para ir manualmente em cada perfil. Vá lá, deixe-me explicar brevemente porque deve adoptar uma estratégia de automatização.

Poupar tempo

“Tempo é dinheiro” – Benjamin Franklin

Esta frase frequentemente ouvida exprime o benefício da automatização. Não há necessidade de passar horas a escrever as mesmas mensagens e a enviá-las manualmente para cada alvo. Agora tem tempo para se concentrar em tarefas mais complexas!

Solicite uma ligação

waalaxy-automatisation

Sim, também pode automatizar os seus pedidos de ligação, isso é vida, certo? 🔥 Pode até adicionar uma mensagem direccionada que responda às necessidades do seu potencial cliente e especifique o seu produto. É uma coisa boa, abaixo, falo-lhe da nossa ferramenta de automatização: Waalaxy 👽 Como se pode ver, a automatização permite-o:

  • Personalize a sua mensagem de acordo com o seu público-alvo.
  • Envie um grande número de ligações em massa.
  • Analise os resultados da sua campanha.
  • Expandir o seu funil de prospecção.

Porque deveria eu publicar no LinkedIn para a minha LinkedIn content strategy de marketing?

T. Louis responde a esta pergunta com: 👇

“Todos têm interesse em publicar no LinkedIn, independentemente da sua profissão. 800 milhões de utilizadores em todo o mundo, em França 80% dos profissionais têm uma conta no LinkedIn. Utilizamo-la para caçar perfis qualificados, mas também, é uma plataforma para atrair pessoas, há muitas oportunidades. Obterá notoriedade espontânea quando vários membros de uma empresa postarem regularmente no LinkedIn”

Assim, o LinkedIn também faz parte das ferramentas de marketing de conteúdos para criar a sua “marca pessoal”, uma mais-valia para os empregados que publicam conteúdos na sua própria rede, e não apenas um meio de prospecção utilizado pelas empresas. 📈
São várias formas de “aumentar a escala” de uma empresa, ou fazem acções que terão mais resultados, ou seja, o trabalho de publicar um post visto por 1 pessoa ou 1 milhão de pessoas é o mesmo. 🤲 Exceptuando o LinkedIn, assegura-se de mostrar regularmente conteúdos a um público maior ao longo do tempo, pelo que a persistência é a chave para o sucesso. 💪

Dig It Snow White GIF by Disney

Quais são os principais benefícios de ter uma estratégia de marketing digital no LinkedIn?

Se pagar mil nos Anúncios do LinkedIn, as pessoas irão vê-lo uma vez, o seu anúncio e a interacção terão terminado. 🙈 Enquanto que se publicar regularmente meios de comunicação social, a sua marca pessoal aumentará, o que é um activo intangível ao serviço da sua empresa ou negócio. O LinkedIn é uma rede de tracção, que lhe permite ter uma taxa de “alcance” maior do que outras redes, ou seja, ter mais pontos de vista, relativamente às pessoas que o seguem. Portanto, lembre-se de “não seguir” as notícias que não lhe interessam, para ter apenas uma alimentação de conteúdo de qualidade. 😏

Quanto tempo demora a publicação no LinkedIn?

É necessário variar a frequência dos tipos de postagem e “enquadramentos” (formas de se envolver): postar no mínimo 2 vezes por semana para começar, indo até 2 vezes por dia no máximo depois disso. 🌳 Além disso, considere variar o tipo de LinkedIn content strategy nas suas mensagens de acordo com os temas do seu TOFU-MOFU-BOFU, por exemplo, área temática mais séria no início da semana e mais divertida no final da semana. 🤡

Pode encontrar aqui o “playbook” para escrever posts assassinos, com um guia para criar o seu próprio funil TOFU-MOFU-BOFU! 💥

O que é que se entende por conteúdo do LinkedIn? Aumente o seu valor a partir da sensibilização nas redes de comunicação social

Alguns empregados sentem-se frequentemente menos legítimos para falar do que líderes ou pessoas com conhecimentos mais avançados num campo de negócios. 😳

No entanto, o LinkedIn é uma rede aberta, pode contar as suas experiências como explorador de uma área temática em geral e não uma verdade geral. 🤗

Estar visível permite-lhe cultivar a sua marca pessoal independentemente da sua situação profissional ✅ (empregado, executivo, candidato a emprego, freelancer). Pode jogar com os preconceitos cognitivos dos leitores e satisfazê-los, através de uma LinkedIn content strategy digital envolvente. ✨ Ser mais visível = ser mais credível! 😎

This Is Real Justin Bieber GIF by The Tonight Show Starring Jimmy Fallon

Publicar regularmente no LinkedIn para aumentar a visibilidade

Note-se também que a persistência é um processo iterativo, é um elemento chave para obter com sucesso pontos de vista e uma audiência crescente. 🙌 T. Louis fala-nos sobre isto:

“Trate a sua audiência como ouro”, ou seja, valorize a sua audiência e tome todos os feedbacks possíveis quando iniciar a sua LinkedIn content strategy digital  ou noutro local.

Aqui estão também algumas dicas a seguir 🤩

  • Quebre a ideia de “Não tenho nada a dizer” e estruture as suas ideias de conteúdo num ficheiro dedicado.
  • Escreva com empatia e ponha-se no lugar do leitor antes de publicar.
  • Pense na reciprocidade, para obter gostos e comentários, também tem de fazer alguns.
  • Interagir com outros, o LinkedIn encoraja o intercâmbio e oferece conteúdos semelhantes de grande qualidade para o seu público.
  • Antes de escrever mensagens, comece por deixar comentários para que o seu perfil se destaque, deixe que outros o vejam!
  • Filtre o seu feed de notícias para que o conteúdo de qualidade e o seu envolvimento apareçam nos feeds dos outros.
  • Faça 2-3 mensagens por semana e reserve tempo para se envolver regularmente com as suas ligações.

Agora passemos às técnicas do processo criativo que o ajudarão a apresentar boas ideias póstuma e a construí-las eficazmente. 👌

Que quadro LinkedIn content strategy ?

Como criar marketing de conteúdos? O que se escreve nos seus primeiros posts no LinkedIn?

🟣 T. Georget pergunta a T. Louis:

“Do ponto de vista da redação, qual é a “estrutura” que utiliza?”

🔵 T. Louis responde:

“Faça um gráfico com 4-5 colunas para uma ampla área temática (vertical), numa ferramenta como Trello/Noção para encontrar posts com um foco. Depois combine com o método dos quatro A’s: Antropológico, Accionávelanalítico, Ambicioso (linhas horizontais)”

  • Antropológico: dar um passo atrás de um tópico, “porquê isto ou aquilo”?
  • Acionável: as 5 acções para fazer X ou Y coisa.
  • Analíticas: as 5 tendências do tópico X.
  • Ambicioso: “há 5 anos atrás comecei nisto, agora…”, etc.

Exemplo de LinkedIn content strategy

💡 Neste exemplo, T. Georget anota as suas ideias de conteúdo numa Noção de tabela:

🟢 T. Louis recorda-nos:

“Escreva as suas ideias de conteúdo enquanto as recebe, enquanto caminha, conversa com amigos, no duche, etc. Adoptar uma mentalidade de “detective” tudo pode ser uma inspiração Lembre-se de escrever tudo o que lhe vem à cabeça e depois refinar o conteúdo mais tarde (faça um primeiro rascunho com tudo o que lhe vem à cabeça em relação a esse tópico)”

🟡 T. Georget completa esta ideia:

“Em relação à criatividade, muitas vezes as ideias de conteúdo vêm em momentos calmos do dia, para encorajar a reflexão e a introspecção. Dedicar tempo a nada fazer. Escreva sistematicamente as suas ideias Quanto mais conteúdo você criarmais ideias terá. Mantenha uma ideia por posto, uma ideia pode levar a outra ideia de conteúdo. A criatividade vem em momentos em que não se está a fazer nada! Mantenha-se em processos meditativos, force-se a entrar nesse estado de espírito, como quando toma um duche, longas caminhadas, desportos”

1 posto = 1 ideia!

Portanto, se a ideia de conteúdo vier, faça a acção imediatamente ou então procure fontes de inspiração através da meditação, tempo livre, etc. 💆 Ter uma ideia clara, com o gancho e a libertação em foco. No entanto, as ideias de conteúdo são eliminadas (“R.I.P. ideas” 💀), é necessário reutilizá-las e anotá-las novamente no seu quadro para as explorar posteriormente, noutro post dedicado.

👉 Seja sintético mesmo que signifique 5 linhas, está tudo bem, desde que seja compreensível e mantenha uma ideia por posto!

Dicas para uma redação bem sucedida da sua estratégia de marketing nas redes sociais

Se não estiver familiarizado com o termo “copywriting”, aqui está a sua definição: A copywriting, frequentemente chamada “design-writing” ou “copywriting”, é a arte de persuadir os outros através de palavras-chave. 🤭 As pessoas que o praticam são chamadas “redactores” ou copywriters. O seu trabalho é escrever cópias para blogues, sites de vendas, páginas de destino, chamadas à acção, etc. ✍

Método #1 LinkedIn content strategy digital:

Para começar, é preciso saber como utilizar um slogan: pensar no benefício a longo prazo, evitar ser enganador ou cair em clickbait. 🎣 Resumir a ideia principal do posto numa frase. Explique como vai resolver o problema do seu interlocutor, logo a partir da frase de engate. 🙏 🟠 T. Georget diz-nos:

“Pense na frase de engate como o assunto do e-mail e o conteúdo do e-mail, precisa de um bom título para o apanhar, mas precisa de se manter coerente com o corpo do texto. Cuide da sua credibilidade, em vez de procurar taxas mais abertas”

Método #2 LinkedIn content strategy :

Entregue as informações de conteúdo do post 75% no seu teaser: por exemplo, dê respostas em “5 passos fáceis” Então o coração do post deve ser a solução para o problema que está a ser discutido, por isso são os outros 25%. 👏 Cuidar dos ganchos e das saídas. Pense no posto como uma “sanduíche”, o pão em cima é o gancho, a carne é o próprio conteúdo e o pão por baixo é a saída. 🥪 Medir o desempenho nos pontos de vista, no entanto, ter cuidado com a viralidade, pois isso também o pode desacreditar. 👀 No entanto, se quiser saber como se tornar viral no LinkedIn, leia este artigo! ⚡

Como obter 1M visualizações no LinkedIn utilizando um esboço de LinkedIn content strategy ?

1. LinkedIn content strategy digital TOFU-MOFU-BOFU:

“Top, Middle and Bottom of the Funnel”: pensamos muitas vezes que devemos ser o mais “nicho” possível nas publicações do LinkedIn, quando existem 3 níveis de área temática, mesmo fora dos seus tópicos de especialização. 😋 Aqui está mais ou menos a fórmula a adoptar, BOFU = tópicos especializados (40% dos posts do blogue) + MOFU = mais tópicos globais (40% dos posts do blogue) + TOFU = tópicos mais amplos (20% dos posts do blogue). 🤝

2. Acelerar na criação de conteúdos:

Para se destacar nos “feeds” de múltiplas pessoas, é necessário publicar regularmente. Pelo menos 2-3 mensagens por semana para começar, depois 3-4 mensagens por semana: 2 posts no blog do MOFU, 2 posts no blog TOFU/BOFU, por exemplo.

3. Utilizar as actuais tendências postais:

Todos vimos posts “Olá a todos, excepto…”, ou as sondagens do LinkedIn passam, por isso inspire-se nas tendências actuais para obter o maior alcance possível. ⚡ Publicar os posts mais gerais ou humorísticos durante o fim-de-semana e os mais sérios ou especializados durante a semana.

4. Tipos de LinkedIn content strategy digital :

Os posts escritos são os mais valorizados pelo LinkedIn! 👀 Fotos/videos, inquéritos qualificados, e carrosséis PDF requerem boa criação visual + muito tempo de criação. Além disso, as vistas são menos virais. No entanto, os “memes” chegam mesmo ao ponto se alguma vez se quiser ser viral.

5. Realce o botão “Siga” no LinkedIn:

Em vez de ter o botão “Ligar” no seu perfil, pode colocá-lo no modo “criador” e ter um botão “Seguir” em vez disso. 🤓 Isto permite-lhe ter mais ligações a segui-lo, mas menos a adicioná-lo, para manter uma rede de qualidade quando começar a atrair pessoas/visões para o seu perfil.

6. Conteúdo alternativo de TOFU-MOFU-BOFU:

Dividir as suas ideias de conteúdo em mensagens longas, médias e curtas, dependendo da natureza da mensagem em questão. Lembre-se de ser “pontiagudo” e não hesite em fazer posts regularmente, para criar um efeito de omnipresença com as suas ligações.

7. Explorar o simples viés de exposição:

Quanto mais exposição tiver ao conteúdo de alguém, maior é a probabilidade de ter uma imagem positiva sobre essa pessoa/marca. Criar envolvimento e construir ligações leais, ao publicar duas vezes por dia torna-o mais visível e faz com que apareça diariamente nos noticiários. 💥

8. Utilizar “cápsulas” de automatização de postes para optimizar os postes:

Usar “pods” no LinkedIn cria um efeito de enviesamento à prova de meios de comunicação social, faz com que se queira envolver organicamente, porque outras pessoas já terão comentado. As “cápsulas” ajudam a aumentar o envolvimento para impulsionar o algoritmo do LinkedIn , que regista a quantidade de gostos e comentários nos posts.

9. Use os primeiros comentários:

Pode utilizar os primeiros comentários dos posts para colocar um “ponchline” ou iniciar a discussão, partilhar o seu link de contacto/newsletter ou “íman de chumbo” no LinkedIn. 🧲 Dê vida e um tom específico às suas mensagens, use “hashtags ” para uma gargalhada e vise audiências fora da sua rede. Criar mensagens de conteúdo de qualidade + 1º comentário “chamada à acção”. Além disso, em mensagens sérias, a utilização de uma frase fora do comum no final cria uma quebra no “padrão” ou um efeito de choque, e faz com que as pessoas queiram ir e comentar, uma vez que esta reflexão provoca uma reacção nos leitores.

10. Escolha a língua a publicar continuamente:

Tem de ser conciso e escolher a língua certa para o seu público. Utilize um perfil dedicado para cada língua em que pretende publicar ou escolha uma língua padrão. 😀

Conclusão: LinkedIn content strategy

A LinkedIn content strategy digital, não é a mesma de outras redes de comunicação social como Twitter ou Instagram. Portanto, guarde o conteúdo profissional para o LinkedIn! 🏆 Iterar sobre o conteúdo e testar múltiplos formatos para se destacar do resto. Diferenciar-se e correr riscos ao publicar é o que o ajudará a alcançar os seus objectivos comerciais mais rapidamente. 🏹

Currículo : 4 Perguntas que deve fazer a si mesmo antes de começar

P1: Porque quer desenvolver uma LinkedIn content strategy ?

Está prestes a escrever mensagens e, portanto, a investir um mínimo de tempo na criação de conteúdos. Qual é o seu objectivo? O que espera ganhar com esta estratégia?

Basicamente, aprendemos que existem 3 objectivos de comunicação distintos:

  • 👀 Criar consciência: este é o lado cognitivo. A sua marca ou empresa não existe realmente na mente dos seus potenciais clientes, e você quer criar descoberta.
  • ❤ Fazer as pessoas gostarem de si: você joga do lado afectivo. Você é conhecido. Quer que as pessoas gostem da sua marca e falem sobre ela.
  • 🏃♂️ Faça as pessoas agirem: este é o preconceito contido no registo de atitudes, você quer criar a intenção de comprar.

Uma vez definidos os seus objectivos por ordem de prioridade, precisaremos de ser um pouco mais específicos:

  • O que quer transmitir primeiro: marca, produtos, uma oferta em particular?
  • Qual é o sentimento que procura dos consumidores: ou seja, quer ser amado, claro, mas para que características (os seus valores, o seu design, as suas opções, a sua benevolência, o seu desempenho…). É claro que pode haver várias respostas, por ordem de prioridade.
  • O que é a “mentalização” procurada quando se compra? A “mentalização” é mais precisamente “a sensação que um cliente sente durante a compra, na posse do seu produto/serviço”. Fá-los sentir mais jovens? (Exemplo de Evian) Sente-se mais fresco e mais em sintonia com os tempos? (Exemplo de Levis ou Apple).

Há milhares de razões para publicar no LinkedIn. Qual é a sua?

Brincar com o preconceito de familiaridade? Educar as suas perspectivas? Mostrar os seus conhecimentos? Aumentar a consciencialização? Tornar-se uma estrela?

Definir o “porquê” ajuda-o a encontrar o “quem” e o “como”. Para definir os seus objectivos, é importante saber (também) se estes correspondem ao seu alvo.

P2: Quem é o meu público alvo no LinkedIn?

Obviamente, gostaria que o mundo inteiro visse o seu conteúdo no LinkedIn. Mas tem de decidir: quem é o público principal para os seus posts?

Como qualquer estratégia de marketing, defina o nicho no início. A persona que pode então expandir.

Falar com todos não é falar com ninguém.

Tudo começa com o alvo e ainda mais com as suas mensagens: Para criar conteúdo, deve definir o seu público-alvo PRIMEIRO .

  • 😎 Crie personas de comprador para melhor compreender os seus consumidores-alvo .
  • 🔥 Certifique-se de que tem vários: Potenciais perspectivas quentes, mornas e potencialmente transformáveis.
  • 🔍 Faça uma pesquisa no LinkedIn para isolar e analisar os seus perfis e comportamentos na rede: Estão activos? Escrevem mensagens? Seguem páginas específicas do LinkedIn?

🅰 O seu alvo na rede não é necessariamente o seu alvo principal. Tudo depende da sua estratégia nas redes sociais, se o seu objectivo é encontrar parceiros no LinkedIn então não vale a pena levar a mesma pessoa que os seus consumidores, vai estragar tudo.

Pergunte sempre a si próprio quais são os problemas do seu alvo, isso irá ajudá-lo a saber um pouco melhor o que colocar.

  • Quais são as tarefas recorrentes do meu alvo?
  • Quais são os seus horários?
  • Quais são os seus problemas e desafios?
  • Quais são as dificuldades que enfrentam para não responder a estes desafios?

P3: O que publicar no LinkedIn?

Sabe porque quer postar e para quem? Agora precisa de saber do que vai falar. Não é assim tão simples, pois não?

Ao longo dos últimos anos, realizámos dezenas de experiências. Publicámos centenas de posts. Gerou milhões de pontos de vista e centenas de milhares de interacções. Tirámos algumas conclusões importantes que queremos partilhar consigo.

ℹ O nosso conselho: prepare bem os seus tópicos. Brainstorm com os seus colegas e amigos. Elaborem uma lista de tópicos gerais (podem falar sobre qualquer coisa no LinkedIn, ao contrário do que algumas pessoas querem que acreditem). Depois, estabeleça prioridades.

ℹ As duas condições mais importantes para obter o máximo de opiniões e comentários sobre as suas mensagens são: que sejam qualitativas e regulares.

ℹ,convido-o a ter 3 meses de ideias precisas (título do post) à sua frente e outros 3 meses de ideias mais vagas (dependendo assim da frequência de publicação que pretende estabelecer).

ℹ O melhor método entre todos os que testamos é o do TOFU-MOFU-BOFU e juramos por isso.

Que tipo de conteúdo publicar no LinkedIn?

Tem várias opções de formato no LinkedIn. Pode publicar:

  • Texto simples, com mensagens curtas ou longas,
  • Imagens,
  • Vídeos,
  • Carrosséis.

Cada uma destas opções tem vantagens e desvantagens, mas todas elas são apreciadas pelos utilizadores da Internet na rede.

ℹ O nosso conselho é que tenha uma carta gráfica realmente para si, por exemplo :

Faça-o de modo a que as pessoas o reconheçam.

🅰 O tempo que um vídeo demora é significativamente mais do que um simples post de texto, por isso não exagere se não tiver tempo para isso.

🅰 (Note que os vídeos têm absolutamente de ser legendados).

P4: Com que frequência deve estar a criar conteúdos no LinkedIn?

A regularidade é a chave para a criação de conteúdos no LinkedIn, e todas as redes sociais para esse efeito. É melhor publicar menos mas consistentemente ao longo do tempo do que publicar muito nalguns momentos e não noutros de todo.

Dependendo de quanto tempo se pretende gastar na criação de conteúdos, definir uma frequência atingível.

ℹAfter todos os testes que fizemos, chegámos à conclusão unanime de que 3 vezes por semana era realmente a frequência mais eficaz. Agora, é melhor ter 2 conteúdos de qualidade por semana do que um calendário editorial sobrecarregado, mas um conteúdo de baixo valor acrescentado.

ℹ Comece por baixo e trabalhe para cima. É melhor do que o contrário.

O processo criativo é primordial para manter a consistência. Não se ganha a vida com o marketing de conteúdos no LinkedIn. É um trabalho à parte. Por isso, não devemos gastar todo o nosso tempo com ele.

Pode ler sobre o meu próprio processo de criação de conteúdo para se inspirar e encontrar o seu.

FAQ LinkedIn content strategy

Como publicar um post no LinkedIn?

Para publicar um post no LinkedIn, é necessário estar registado na rede social.

Se ainda não estiver registado, clique no botão “Registar” no canto superior direito do seu ecrã.

Quando estiver no seu perfil, clique no botão “home”, depois verá aparecer um espaço onde diz “iniciar uma publicação”, é aqui que escreve ou adiciona os seus visuais. Em seguida, clique no botão “publicar”. 😁

Para criar um layout original, aqui estão alguns links interessantes que compilámos para si.

Quais são as LinkedIn content strategy ?

A melhor maneira é diferenciar, iterar, correr riscos, usar grau 2d para dar o seu toque pessoal, interagir com a sua rede e, claro, aplicar um método TOFU-MOFU-BOFU antes de publicar. 🥇 Aqui está um artigo sobre como escrever bons posts no LinkedIn, para lhe dar ainda mais ideias de conteúdo. 🧐 Também pode utilizar o LinkedIn para :

  • Publique o conteúdo do seu Blog e dê visibilidade ao seu website.
  • Escreva artigos no LinkedIn Pulse,
  • Seguir os influenciadores e ver o que escrevem e porque é que está a funcionar.

A sua LinkedIn content strategy é o que o ajudará a atingir os seus objectivos comerciais, seja persistente e o algoritmo irá recompensá-lo! 🤞

Que tipo de conteúdo funciona melhor no LinkedIn?

Tal como mencionado no artigo, os melhores posts no LinkedIn são os seguintes:

  • Inteligentes: atraem a atenção através da ousadia,
  • Tutoriais: Ensinam algo ao seu público,
  • Emocional: Emoção é a chave para os melhores cargos, e isto para todas as redes sociais, mesmo B2b.

O que evitar a todo o custo. ❌

  • Vender constantemente o seu produto.
  • Falar sobre um tópico que não é relevante para o seu alvo.
  • Falar sobre tópicos demasiado pessoais ou demasiado tabu, tais como opiniões políticas.
  • Escrever sem formatação,
  • Não ter uma estratégia de comunicação social estabelecida.

Que tipo de mensagem no LinkedIn para empresas?

Os posts no LinkedIn devem ser sempre profissionais. Pode naturalmente (e aconselhamo-lo a fazê-lo), falar de si próprio, das suas experiências, dos seus fracassos e dos seus sucessos… Mas, não entre na esfera privada; tenha sempre em mente o seu objectivo: ter um público interessado no seu produto/serviço. 🎯 Como publicar no LinkedIn? Aconselhamo-lo a publicar no LinkedIn utilizando o método TOFU-MOFU-DOFU acima mencionado, e assim publicar regularmente conteúdos interessantes para o seu alvo. A melhor forma de utilizar uma estratégia de marketing é publicar 3 vezes por semana 😉.

Deve adicionar vídeos no LinkedIn?

Sim, e não. Tudo depende da sua estratégia de comunicação. O que recomendamos é que tenha um estilo regular. Se publicar carrosséis duas vezes por semana e enviar texto uma vez, então mantenha-o e aguarde vários meses antes de analisar os resultados globais. A publicação em redes sociais é um processo longo, não verá os primeiros resultados num só dia. Pergunte a si mesmo:

  • O meu público-alvo é sensível aos vídeos?
  • Serei capaz de publicar vídeos regularmente?
  • Saberei fazer vídeos de qualidade?

Além disso, considere sempre a possibilidade de colocar legendas em vídeos, os utilizadores do LinkedIn raramente põem som. 🔇

Precisa do LinkedIn Business para desenvolver uma LinkedIn content strategy ?

Bem, não! Não precisa absolutamente de ter um prémio do LinkedIn para desenvolver a sua LinkedIn content strategy. Se estiver interessado em subscrições premium, pode consultar a nossa comparação sobre o assunto.

Quais são as melhores práticas para utilizar o LinkedIn para a sua marca?

As melhores práticas para a utilização do LinkedIn são as seguintes:

  • Saiba como identificar o seu público-alvo,
  • Publicar com regularidade,
  • Optimize o seu perfil no LinkedIn tanto quanto possível,
  • Utilizar a automatização, mas não excessivamente,
  • Traga qualidade, e não quantidade, ao seu público.
  • Agora já sabe tudo sobre a LinkedIn content strategy correcta.

Como fazer grandes posts no LinkedIn?

Como criar conteúdos particularmente interessantes no LinkedIn? Para isso precisa de encontrar o seu tópico de especialidade e gravitar em torno dele. Para o ajudar a compreender os interesses do seu público e a criar conteúdos relevantes, acrescentámos algumas fontes fundamentais.

  • Tweethunter mostra tweets que receberam um elevado envolvimento em tópicos da sua escolha.
  • Sparktoro ajuda-o a compreender o que as pessoas estão à procura associado a certas palavras-chave.
  • RespostaSocrates baseia-se em dados do Google para o ajudar a encontrar tendências de conteúdo.

Como posso iniciar uma LinkedIn content strategy pessoal ?

Se pretende iniciar a sua marca pessoal e não sabe por onde começar, por favor leia o nosso guia sobre Personal Branding e como ter sucesso com a nossa estratégia de social media. Aqui tem tudo o que precisa para iniciar a sua LinkedIn content strategy. 😄

4.8/5 (189 votes)
Recomendamos-lhe 👇

Convert more leads into clients with these 7 secret B2B prospecting messages 🚀

Enter your first name and email address  to receive the 11 page digital book now:

Where do we have to send it now?