Prospecção LinkedIn ? 15 modelos de divulgação

A prospecção LinkedIn é uma prática muito utilizada, cada vez mais pessoas utilizam o LinkedIn para vender o seu produto ou serviço. No entanto, a maioria não tem os conhecimentos necessários para tirar partido da rede social e utiliza abordagens que não funcionam.

A prospeção é uma parte integrante da sua estratégia de marketing, pelo que precisa de se rodear das ferramentas de prospeção certas.

Neste artigo, veremos quais as abordagens de prospeção a utilizar para entrar em contacto com os seus potenciais clientes e, em seguida, como gerar um número exponencial de leads através do LinkedIn. 🔥

Como prospectar pelo LinkedIn ?

Para muitos, LinkedIn rima com recrutamento. Acha que não rima? Nós também não!

Numa nota mais séria, o LinkedIn é um rede social profissional com mais de 600 milhões de membros no momento da redação do presente relatório.

600 milhões de pessoas que preenchem uma quantidade impressionante de informações sobre si próprias. Número de anos de experiência, localização, sector de atividade preferido, estudos concluídos, sector de atividade… E a lista continua. Dados 📈 à espera de serem explorados.

Estes dados são efetivamente utilizados por recrutadores para fazer as suas compras, mas não só.

Vamos ver como o LinkedIn pode ser utilizado para um campo muito mais vasto do que recrutamento, mas também é muito útil para um vendedor, por exemplo.

E, para todos aqueles que me dizem que o LinkedIn só serve para recrutar e que utilizá-lo para fazer negócios é uma forma indireta de o utilizar, deixem-me dizer o seguinte (não sou eu que o digo, mas o próprio LinkedIn).

pricing linkedin sales navigator

Encontrar novos clientes, criar consciência da marca, distribuir conteúdos, “alimentar” a sua base de clientes ou trabalhar em marca pessoal. Todos estes objectivos são utilizações concretas do LinkedIn.

É uma utilização relativamente nova do LinkedIn, mas que está atualmente a ganhar força no mundo das vendas, e veremos porquê.

Tradicionalmente, quando se pretende fazer prospeção de novos clientes, ou fornecer conteúdos de qualidade à sua base de utilizadores, utiliza um canal de prospeção: e-mail.

O canal de correio eletrónico tem a vantagem de ser extremamente barato e escalável. Por outras palavras, não é preciso mais tempo para chegar a 10.000 pessoas do que para chegar a 1.000.

Correio eletrónico de vendas VS prospecção LinkedIn

  • Em primeiro lugar, precisa de correio eletrónico. Sim, pode parecer disparatado, mas é um obstáculo significativo. Se quiser distribuir conteúdo de alto valor acrescentadoà sua base de utilizadores, isto não é um grande problema, pois normalmente já tem o endereço de correio eletrónico deles. No entanto, quando se trata de prospetar novas pessoas, não tem o seu endereço de correio eletrónico.
  • Em segundo lugar, a utilização maciça do correio eletrónico por todos os intervenientes nos últimos 20 anos tornou-os menos eficazes. Quando recebemos uma newsletter ou a mensagem de prospeção 12ᵉ com o melhor aspirador do momento, acabamos por deixar de prestar atenção.

Os números falam por si: de acordo com Brevo mais de três quartos das mensagens de correio eletrónico nunca são lidas. As taxas de cliques são ainda piores, com pouco mais de 1% das ligações em mensagens de correio eletrónico a serem clicadas.

É nestes dois pontos que o LinkedIn é particularmente interessante e faz uma diferença real, com um ROI (Return On Investment) excecional:

  • A prospeção comercial no LinkedIn resolve muito bem o problema do correio eletrónico. Ao contrário do correio eletrónico privado, no LinkedIn utilizamos os perfis dos utilizadores para os contactar. Estes perfis são públicos (estão disponíveis para todos através de uma simples consulta no motor de busca interno do LinkedIn e, muitas vezes, até diretamente através do Google). Quando faz prospecção no LinkedIn, entra em contacto com as pessoas através de 2 canais principais. 🎯
  • Estabelecer um contacto no LinkedIn também resulta em percentagens de leitura e de cliques muito mais elevadas do que nas mensagens de correio eletrónico, por uma razão simples: quando se dirige a um potencial cliente no LinkedIn, está a dirigir-se a ele pessoalmente, ao passo que uma mensagem de correio eletrónico de prospeção dá sempre a impressão de ser genérica e de ter sido enviada a vários milhares de pessoas.

Em geral, a % de leituras é próxima dos 100%, enquanto a % de cliques é de cerca de 10% (e ocasionalmente muito mais)…. Isto é que é um desempenho!🔥

Agora que já lançámos as bases da rede, passemos ao trabalho de base essencial antes de dar quaisquer passos para a implementação uma estratégia de prospeção na rede digno desse nome.

Como prospectar clientes no LinkedIn ?

Para encontrar perspectivas no LinkedIn, aqui ficam algumas dicas. ⏬

#1 Quem prospetar no LinkedIn? Encontre as suas personas

O que é uma persona? A “persona” é uma termo de marketing utilizado para definir o seu objetivo. O seu utilizador ou cliente ideal. É o primeiro passo para preparar o seu campanha de marketing e um dos mais importantes.

O resto do processo depende disso. Se se enganar na sua persona, o resto é história.

Por isso, vale a pena dedicar 5 minutos a definir a sua persona de marketing. É necessário colocar a si próprio uma série de questões que o ajudarão a obter uma imagem mais clara do indivíduo que pretende paraobjetivo.

  • De que género?
  • Que idade?
  • Que profissão?
  • Quais são os seus passatempos? Hábitos? A marca de cereais preferida dela? (Ok, não queremos ir muito longe, mas já percebem a ideia).

É muito importante que a sua persona seja muito precisa: não pode ser vago e dirigir-se a toda a gente, mas conquistar específico clientes!

  • Exemplo de uma má personalidade: Pascal, homem, mais de 18 anos, empregado.
  • Exemplo de uma boa persona: Pascal, homem, entre 18 e 30 anos, gosta de cerveja e segue futebol profissional (Ligue 1). Não gosta de cozinhar. Tem aulas todos os domingos.

Este é um básico regra de prospeção. Não se pode visar toda a gente. Deve começar sempre por visar um nicho e depois expandir esse nicho à medida que cresce.

Quanto mais clara e precisa for a sua persona, mais com exatidão pode direccione os seus potenciais clientes. Quanto mais precisamente puder definir o seu objetivo de vendas quanto mais personalizar as suas abordagens. Quanto mais personalizar a sua abordagem, mais as suas conversões aumentam.

#2 Otimizar o seu perfil no LinkedIn

Tal como precisa de ser claro sobre quem quer atingir, também precisa de ser claro sobre quem é e o que pode trazer para a mesa.

Para retomar o exemplo das mensagens de correio eletrónico, quando se decide executar prospeção a frio campanhas por correio eletrónico, geralmente insere-se uma ligação para o seu sítio Web na mensagem.

O objetivo da mensagem de correio eletrónico é levar o potencial cliente a clicar na ligação. Quando o seu potencial cliente estiver na o seu sítio webé a vez de o sítio Web se converter.

Por isso, vai optimizá-lo para que o seu potencial cliente encontre todas as informações de que necessita. Terá o cuidado de fazer com que o seu visitante encontre essas informações o mais rapidamente possível e de realçar aspectos em que ele nem sequer tinha pensado!

Tentarás jogar com as emoções para levar o seu potencial cliente a agir.

Bem, no LinkedIn, o que funciona como página de destino ou sítio Web é o seu perfil pessoal.

O primeiro reflexo do seu alvo ao ler a sua nota ou mensagem serávisitar o seu perfil para saber mais sobre si e o seu proposta de valor. Por isso, há uma série de regras a seguir.

Ter um título explícito

Ter uma visão clara título significa indicar em menos de 3 palavras o que faz para o seu público-alvo. Significa atrair potenciais clientes sem fazer um esforço de prospeção. Não se esqueça de mencionar a empresa para a qual trabalha.

Esqueça os títulos longos e pomposos que não significam nada.

Ter uma fotografia de perfil profissional

É angustiante ver o número de pessoas que têm uma fotografia de qualidade medíocre que não valoriza o seu perfil. Não é preciso ser um supermodelo para ficar bem numa fotografia, os retoques fazem maravilhas hoje em dia?

Os seres humanos pensam de forma heurística e estão sujeitos a numerosos enviesamentos cognitivos. Entre eles, o efeito “Halo”: atribuímos frequentemente características não relacionadas, tais como inteligência e competência a pessoas que se apresentam bem.

Por isso, compre uma sessão fotográfica para si e para a sua equipa. Serão os melhores 500 euros que gastou nos últimos 6 meses.

Bónus se for o caso, pode utilizar um pequeno círculo colorido (com as cores da sua empresa ou do seu produto, por exemplo) à volta da sua fotografia para a fazer sobressair ainda mais.

Utilize a fotografia de capa para mostrar o que faz

O LinkedIn permite-lhe adicionar uma fotografia de capa para o fundo do seu perfil. É essencial utilizá-lo para dar um aspeto mais visual ao seu perfil, que de outra forma seria monótono.

Vale a pena dedicar algum tempo a trabalhar a sua imagem, ou mandá-la fazer se não tiver os conhecimentos necessários.

Bónus: pode utilizar um efeito que permite que a sua imagem de capa se “misture” com o branco do resto do seu perfil para dar um aspeto “3D” (no exemplo acima, um planeta, mas há muitas outras formas de utilizar este efeito, por isso dê largas à sua imaginação).

Utilizar o resumo do LinkedIn para prospetar

Foi conciso com o seu título, o espaço “resumo” permite-lhe dizer mais sobre o que faz, os seus antecedentes, a sua “história”, o que o levou a ser quem é hoje.

É possível utilizar narração de histórias para captura atenção. Se captar a atenção, será capaz de atrair clientes para si, e é isso que Marketing de entrada tem tudo a ver.

Marketing de entrada consiste em conseguir que potenciais clientes que não o conhecem se tornem seus clientes, através da criação de conteúdos.

Utilizar a secção “conteúdo” de forma sensata

LinkedIn permite-lhe destacar uma série de elementos no seu perfil. Pode ser o seu sítio Web, mas também publicações anteriores ou mesmo artigos.

Utilize esta secção para dar aos seus visitantes a oportunidade de alimentarem a sua curiosidade quando visitam o seu perfil.

Não se esqueça de traduzir o seu perfil – o inglês é obrigatório se o seu objetivo for atingir um público internacional.

Se tiver um perfil em francês e outro em inglês, o LinkedIn redireccionará automaticamente os utilizadores que não falam francês para o seu perfil em inglês, facilitando a sua primeiro contacto com ele.

#3 Como filtrar os seus potenciais clientes no LinkedIn

É altura de começar a encontrar clientes. 😎

Agora que já definiu a sua persona e que tem o seu perfil do LinkedIn perfeito, está na altura de passar à etapa seguinte: direcionamento os seus potenciais clientes.

Prefiro dizer-vos já que só vamos tratar aqui do ativado pelo Sales Navigator.

A função de pesquisa normal é demasiado limitada (sim, o LinkedIn também precisa de fazer negócios).

Se está apenas a começar e ainda não pode pagar uma assinatura do Sales Navigator, fique tranquilo, nós pensamos em tudo com um artigo sobre como utilizar o Sales Navigator gratuitamente?

Não utilizar palavras-chave relevantes

Uma das primeiras armadilhas a evitar é utilização de palavras-chave. Isto pode parecer contra-intuitivo, uma vez que é a isto que estamos habituados quando procuramos algo no Google. Mas no LinkedIn, é diferente.

De facto, quando se faz uma palavra-chave pesquisar no LinkedIn a ferramenta irá procurar essa palavra-chave em todo o perfil da pessoa. Isto pode levar a resultados muito distantes do que estava inicialmente à procura.

Por exemplo, se o utilizador pesquisa por “marketing”.É muito provável que encontre perfis que estudaram marketing na universidade, mas que agora trabalham num sector completamente diferente.

Não exceda 2500 resultados de pesquisa

Nunca é demais sublinhar isto, mas não vale a pena conduzir Pesquisas no LinkedIn que devolvem mais de 2.500 resultados por duas razões:

  • O LinkedIn só apresenta os primeiros 100 resultados e cada página contém 25 perfis. Por isso, só é apresentado um máximo de 2500 perfis, independentemente do que aconteça.
  • Quanto maior for o seu resultado, menos pode personalizar, quanto menos personalizar, mais as suas taxas de conversão sofrem.

Se tivesse de escolher apenas um filtro para encontrar o contacto certoé o que acontece. De um modo geral, é o filtro do LinkedIn em que se baseará a sua procura de potenciais clientes (mas não necessariamente).

Eu sei, pode parecer assustador no início, mas Booleano são de facto muito simples de utilizar.

Recomendamos especialmente a utilização de aspas para encontrar exatamente o termo que procura.

Por exemplo, no título, pode procurar “consultor de marketing” para mostrar apenas os perfis que contêm exatamente esses termos.

Isto permitir-lhe-á, por exemplo, excluir “consultores financeiros” que teriam surgido se não tivesse filtrado por aspas.

Também pode utilizar o booleano“OR” quando se pretende destacar dois dados independentes, como “business developer” OU “sales” no título.

O LinkedIn contém um número incrível de grupos e esta é uma oportunidade para todos comerciantes que pretendam entrar em contacto com o seu público-alvo.

Os grupos reúnem pessoas em torno de interesses comuns. Independentemente da sua oferta, é provável que o seu grupo ideal cliente ou potencial cliente está em alguns grupos. Cabe-lhe a si identificar esses grupos e contactá-los!

Utilizar as funcionalidades de pesquisa avançada do Sales Navigator

Uma vez validados os parâmetros, o Sales Navigator permite-lhe efetuar mais uma camada de filtragem com base na sua pesquisa. Isto pode ser fascinante, dependendo do que se está a oferecer.

#4 Cuide das suas abordagens de prospecção LinkedIn

Depois de ter o seu lista de potenciais clientes a contactar isso é suficiente. Mas, convenhamos, está a perder o essencial: a sua comunicação e o seu conteúdo!

É aí que entra o copywriting, a arte de convencer e vender através da escrita.

O que não fazer quando se faz prospecção LinkedIn

Enviar uma mensagem prospecção LinkedIn com mais de 1000 caracteres
message linkedin exemple

Por vezes é tentador querer dizer o máximo possível nas nossas mensagem de prospecção LinkedIn antecipar todas as objecções, apresentando uma lista exaustiva de todas as vantagens associadas ao seu produto. No entanto, isto é contraproducente e é pouco provável que consiga conquistar os seus objectivos.

O seu potencial cliente tem muito pouco tempo para lhe dar, pelo que terá de despertar a sua curiosidade com o mínimo de palavras possível e levá-lo a tomar medidas para saber mais.

A nossa investigação sobre o assunto mostra que uma mensagem com mais de 1000 caracteres converte 50% menos do que uma mensagem com mais de 1000 caracteres. Menos de 300 caracteres. Não se esqueça de ser breve!

Capitalize a sua mensagem no LinkedIn

Não lhe ocorreria escrever tudo a sua comunicação em letras maiúsculas, pois não? Bem, então fico mais descansado porque garanto que não funciona.

message linkedin exemple 2
message linkedin prospection exemple 3

Poderá ser tentado a pensar que a utilização do negrito lhe permitirá realçar determinados pontos da sua mensagem no LinkedIn. Mas não é assim!

A conclusão que surge quando se tenta utilizar esta técnicaé essencialmente a aparência de uma troca desleixada.

Cometer erros ortográficos no seu texto

Parece senso comum, mas, por outro lado, não acreditaria no número de pessoas que enviam mensagens para o LinkedIn mensagens de prospeção cheio de erros.

A credibilidade da sua comunicação sofre um grande golpe!

Abordagem demasiado vaga, sem uma CTA
message linkedin prospection exemple 4

Não se pode dar ao luxo de não o ser claro na sua mensagem. Chegue com um CTA claro. Explique o que pretende que o destinatário faça.

A estrutura correcta para uma excelente mensagem de prospecção LinkedIn

Quando se trata de ser convincente, é necessário aderir a uma determinada estrutura para encontrar a abordagem correcta.

  • O gancho:

O gancho, como o próprio nome indica, vem em primeiro lugar na sua comunicação. Trata-se de uma frase curta que deve despertar o seu interlocutor a curiosidade do leitor. Esta frase deve fazer com que o seu interlocutor queira continuar a ler a sua mensagem. O formato “pergunta” funciona geralmente muito bem.

Prestar especial atenção a esta frase. Ficaria surpreendido com a rapidez com que analisamos uma troca e como estamos ansiosos por saber mais. Alguns segundos são suficientes para determinar se continuamos a ler.

Quanto melhor for segmentar os seus potenciais clientes mais fácil será encontrar uma frase de efeito eficaz.

De facto, a frase de chamariz baseia-se fortemente na personalização. Uma mensagem ultra-personalizada para perspectivas quentes terá muito mais sucesso.

  • A sua proposta de valor:

A seguir vem o proposta de valor. Em uma ou duas frases, tem de ser capaz de explicar como é que você ou o seu produto resolve o problema ou a questão levantada no o teu teaser.

  • O apelo à ação:

Finalmente, este apelo à ação dá ao seu potencial cliente a oportunidade de ir mais longe. Nesta altura, já convenceu o seu potencial cliente dos méritos da sua abordagem. Ele sabe o suficiente para estar interessado, mas precisa de mais informações.

Vejamos as diferentes alavancas deste processo estrutura de prospeção com um exemplo:

A frase, sob a forma de pergunta, leva o leitor a interrogar-se sobre o número de respostas que gere no LinkedIn e, ao mesmo tempo, leva-o a questionar as várias frustrações associado a este envio de mensagens.

A proposta de valor

Esta proposta de valor tem a vantagem de ser clara: ou gere mais de 10 mensagens por dia, ou não gere.

Se conseguir mais de 10 mensagens por dia, tu SABES como as mensagens do LinkedIn são más para que estejas aberto a aprender mais.

O apelo à ação

O apelo à ação orienta o leitor para os passos seguintes, caso pretenda saber mais. Não há compromissos: o a proposta é livre e desimpedida

Bónus: aproveita-se o facto de o indivíduo se sentir exclusivo, uma vez que se recorre aos seus conhecimentos para “testar” a sua ferramenta.

#5 Optimize o seu desempenho com testes A/B

O que é o teste A/B?

Teste A/B consiste em testar duas hipóteses, dividindo os volumes testados em duas partes.

Uma parte “A” e uma parte “B”.

Os resultados das duas partes são então analisados e comparados e a hipótese mais bem sucedida é mantida.

É possível iterar este modelo um número muito elevado de vezes para otimizar o desempenho.

No nosso caso, estamos a testar hipóteses sobre o conteúdo do texto. Por outras palavras, vai desenvolver duas abordagens diferentes e testar qual delas funciona melhor.

Desta forma, pode afinar o seu discurso e manter apenas os mais bem sucedidos modelo de comunicação.

Como é que configuro um teste A/B?

Configuração Teste A/B nas suas abordagens do LinkedIn é muito simples. Com uma ferramenta como Waalaxy para isso, basta criar dois teasers diferentes e dividir a sua campanha em duas.

A primeira coisa a fazer é enviar a sua primeira mensagem para uma metade da sua campanha e a sua segunda mensagem para a outra metade.

Quando o seu campanha de prospeção termina, analisa os resultados diretamente através do nosso painel de controlo integrado e mantém a mensagem com melhor desempenho para o resto da campanha.

Exemplo de uma mensagem de prospecção LinkedIn

Agora que já vimos como preparar as suas campanhas de prospecção LinkedIn se o seu filho não tem um filho, vamos ao que interessa: as abordagens que funcionam.

Cenário de prospecção LinkedIn automatizada

Tudo o que vimos até agora envolve uma série de tarefas repetitivas que não pode ser automatizado. Passemos à parte mais interessante: automação.

Vimos que as duas formas de entrar em contacto com um indivíduo no LinkedIn eram para enviar um pedido de ligação ou para enviar uma mensagem.

E se eu lhe dissesse que pode automatizar a sequência destas duas acções?

É isso que a funcionalidade campanhas ofertas.

2022-05-25_15h10_40

De facto, esta caraterística permite-lhe encadear uma série de actividades, em particular as acções de adicionar pedido e mensagem.

O princípio é simples:

  • O utilizador escolhe o número de lembretes que pretende enviar,
  • O utilizador escreve o conteúdo das suas abordagens – pode utilizar variáveis personalizadas,
  • Envia as suas campanhas de vendas.

As suas actividades são então executadas automaticamente, sem que tenha de mexer um dedo.

E porque é que lhe estou a dizer tudo isto? Simplesmente porque, ao fazer um ou mesmo dois acompanhamentos após o seu pedido para adicionar um contacto, você multiplicar as suas conversões.

As 15 melhores abordagens de prospecção LinkedIn para entrar em contacto com os seus potenciais clientes

  • Membro do mesmo grupo:
  • Publicou um comentário sobre os posts:
  • Líderes do sector:
  • Ligação em comum:
  • Visitei o teu perfil:
  • Expandir a sua rede numa região específica:
  • Ecossistema semelhante com um toque de humor:
  • Encontrar um mentor:
  • Notícias:
  • Sugestão do LinkedIn:
  • Mudança de lugares:
  • Pessoas que seguem a sua empresa:
  • Pedido de conselho, ex-alunos:
  • Pedido de resolução de problemas:
  • Pedir um parecer para o artigo:

Como redigir as suas notas de prospecção LinkedIn ?

Estes mensagens são apenas exemplos do que é possível e devem ajudar estimular a sua criatividade.

Quando se trata de maximizar a sua taxas de aceitação não existe uma nota milagrosa que seja adequada para todas as situações.

Basta ter em mente e aplicar alguns princípios básicos:

  • Evite falar de si próprio,
  • Personalize a sua abordagem,
  • Dê ao seu entrevistador uma boa razão para aceitar o seu convite,
  • Procurar criar uma relação.

Isto pode parecer senso comum, mas já perdi a conta ao número de pedidos que recebo que são sem personalização, ou onde tentam vender-me um produto ou serviço assim que eu pedir para ser adicionado.

message linkedin prospection exemple 6

Estes técnicas de marketing não funcionam, são claramente automatizados e o indivíduo também não está a tentar criar uma relação.

Ao escrever as suas notas de convite se a resposta for não, reformule a sua nota. Se a resposta for negativa, reformule a sua nota?

Leve a sua prospecção LinkedIn mais longe com a automatização

Seguiu-nos até aqui e gostaria de personalização e automatização ainda mais para atingir as melhores taxas de conversão?

Vou mostrar-vos como é eficiente software de prospeção pode ser!

Vamos lá começar. 🚀

Direcionar as pessoas que comentam as mensagens

Uma técnica bem conhecida dos profissionais de marketing experientes, o “Íman de Chumbo” tem a dupla função de aumentar o alcance da sua publicação no LinkedIn, ao mesmo tempo que lhe traz um determinado número de contactos qualificados.

O princípio é simples: publica-se uma prospecção LinkedIn em que promete acesso a conteúdo de qualidade (normalmente um artigo de elevado valor acrescentado ou um Livro Branco) se a pessoa gostar e/ou comentar a sua publicação.

A sua publicação terá mais visibilidade graças ao envolvimento gerado pelas pessoas que gostam e comentam a sua publicação, e cada pessoa com acesso ao seu conteúdo tornar-se-á um chumbo qualificado.

“Bem, isso é tudo muito bonito, mas se 250 pessoas gostar das minhas publicações vou ter horas para os contactar à mão!

Bem, não! 😅

Direcionar as pessoas que comentam a publicação de outra pessoa

Percebe o que quero dizer? Sim, a técnica descrita acima também pode ser usada para ir atrás de altamente qualificado. Contactos no LinkedIn que não eram originalmente destinadas a si.

O princípio continua a ser o mesmo: identifica-se um determinado número de “ímanes de chumbo” textos de tipo sobre um tema próximo do seu e para o qual o público será idêntico ao seu.

Pode exportar automaticamente e depois contactar as pessoas que reagiram à publicação através de um “mensagem de seguimento do pedido de ligação” cenário.

Bónus: pode personalizar a sua abordagem consoante a publicação.

  • Pedido de ligação:
  • Primeira comunicação 1 dia após o potencial cliente ter aceite o seu pedido:
  • Mensagem de seguimento 7 dias após o envio da comunicação anterior, se a pessoa não tiver respondido:

A vantagem deste tipo de automatização é que tudo acontece sem qualquer intervenção da sua parte.

Desde que o seu potencial cliente não tenha respondido, a sequência continua. Tudo o que tem de fazer é processar as respostas para converter os seus contactos em clientes.

Visar os utilizadores da concorrência

Outra estratégia formidável para alcançar resultados extraordinários percentagens de conversão está a fazer com que o Facebook procure os utilizadores da concorrência.

Isto não se aplica necessariamente a toda a gente, mas se tiver a sorte (como nós) de ter concorrentes no Facebook então não há que enganar.

O LinkedIn, como já vimos, tem muitos grupos. Muito úteis para direcionado para as pessoas que partilham um interesse comum.

Os grupos do Facebook são ainda mais vantajosos, uma vez que são muitas vezes utilizados como um canal para gerir um comunidade de utilizadores.

É o caso de Dux-Soup que tem um grupo com vários milhares de membros, constituído exclusivamente por utilizadores da Dux-Soup, um dos nossos concorrentes directos.

Combinando duas ofertas: uma ferramenta de raspagem como o PhantomBuster e o Ferramenta Waalaxyé possível extrair os membros deste grupo e depois contactá-los no LinkedIn através de um automatizado“pedido de ligação de mensagem” cenário de tipo.

  • Pedido de ligação :
  • Mensagem enviada 3 dias depois de o potencial cliente ter aceite o pedido de convite:

Para mais pormenores sobre como implementar este hack, escrevemos um estudo de caso completo sobre o assunto.

Direcionar os subscritores de uma página do LinkedIn

Direcionar para pessoas que gostam de um Página LinkedIn pode ser igualmente formidável. Desta vez, não há necessidade de recorrer a uma ferramenta de terceiros para extrair as informações – tudo pode ser feito diretamente com o Waalaxy, em apenas alguns minutos.

Neste caso, não tem a garantia de que todas as pessoas que subscreveram o site do seu concorrente página da empresa são necessariamente utilizadores do concurso.

Assim, ao contrário de o grupo LinkedInÉ impossível validar o nome de utilizador para entrar no grupo.

Por outro lado, esta técnica não é menos interessante.

De facto, mesmo que as pessoas não sejam utilizadores do concurso no entanto, manifestaram interesse no concurso e, como tal, podem estar interessados no que tem para oferecer.

Vejamos outro exemplo com a Lemlist, outro concorrente direto, e um Campanha no LinkedIn com dois acompanhamentos.

  • Pedido de ligação:
  • Mensagem de seguimento 3 dias após a aceitação do pedido de ligação:
  • Mensagem de seguimento 7 dias após o envio da última comunicação:

Resultados:

Para implementar esta estratégia, siga o nosso guia específico.

Utilize o multicanal para acompanhar os seus potenciais clientes em todos os canais

Para maximizar as suas percentagens de conversão, uma estratégia poderosa é contactar os seus perspectivas através de diferentes canais.

Quanto mais canais utilizar, maiores serão as hipóteses de o seu potencial cliente responder.

Neste exemplo, a ideia é combinar o canal LinkedIn com o canal de correio eletrónico.

Tal como numa campanha clássica de prospecção LinkedIn, começaremos com um clássico LinkedIn“pedido de ligação de mensagem” cenário. A diferença está depois disso.

Onde o seu cenário teria simplesmente parado depois de enviar a mensagem aqui, continuaremos a enviar uma mensagem de correio eletrónico ao seu potencial cliente em caso de não resposta à sua comunicação no LinkedIn.

O princípio é bastante simples: o correio eletrónico do seu potencial cliente é recuperado utilizando um ferramenta de enriquecimento e, em seguida, envia automaticamente a mensagem de correio eletrónico a partir da caixa que configurou.

Waalaxy automatiza todo o processo, permitindo-lhe contactar os seus potenciais clientes através de todos os canais existentes.

Resumo: passo-a-passo para a prospecção LinkedIn

Ainda estás comigo? Ótimo. Vamos tentar resumir o que vimos neste artigo em poucas linhas.

Em primeiro lugar, verificámos que o LinkedIn é a rede social número 1 para Geração de contactos B2B.

No entanto, para tirar o máximo partido da plataforma, é necessário efetuar um trabalho preliminar:

Em seguida, analisámos como prospeção automatizada cenários podem aumentar as suas taxas de conversão.

Para ajudar aqueles que não têm mais inspiração, apresentamos mais de 15 exemplos de notas de convite que o ajudarão a maximizar a sua taxa de aceitação.

Por fim, destacámos os melhores Estratégias de automatização do LinkedIn que combinam personalização e desempenho através da utilização do Waalaxy.

FAQ : Prospecção LinkedIn

Porquê fazer prospecção LinkedIn?

Quando se trata de prospeção, utilizar o LinkedIn é uma excelente opção. O LinkedIn é uma incrível Base de dados BtoB. É atualizado automaticamente, para que possa manter-se em contacto com os seus potenciais clientes.

Prospecção LinkedIn permite-lhe assim desenvolver a sua visibilidade através da sua postos artigos ou outros conteúdos, e posicionar-se como um especialista 👓 numa área com o seu público.

A prospecção LinkedIn também permite os seus clientes para o contactar diretamente, não há barreiras.

É necessário ser um copywriter profissional para converter no LinkedIn?

Não precisa de ser um profissional redator para converter o seu potenciais clientes em clientes e atingir os seus objectivos, mas é necessário respeitar um certo número de princípios básicos.

O conteúdo do LinkedIn é a melhor forma de vender?

De facto, um Estratégia de publicação no LinkedIn pode ajudá-lo a aumentar a sua percentagem de aceitações aumentar o número de discussões privadas e, por conseguinte, as conversões.

Qual é a melhor técnica de prospeção ?

Não existe uma única técnica de prospeção que seja a melhor. O que funciona para uma pessoa não funcionará necessariamente para si, especialmente em termos de frases de abordagem, por exemplo.

No entanto, quanto mais expandir a sua rede, maior será a probabilidade de conseguir ligações de qualidade. É claro que não se pode adicionar qualquer pessoa.

É por isso que é importante criar o melhor “personas do comprador” para o seu produto. Obviamente, segmentamo-los.

A utilização de ferramentas de automatização exige competências técnicas de TI?

A utilização de ferramentas de automatização como o Waalaxy não requer quaisquer competências prévias. A ferramenta foi concebida de modo a poder ser utilizada por qualquer pessoa. E foi concebida para facilitar a sua actividades de prospeção.

Como posso utilizar a automatização do LinkedIn para fazer prospecção LinkedIn?

A prospeção pode ser um processo longo e fastidioso. No entanto, se se rodear de uma boa equipa de ferramenta de prospeção, a sua tarefa será muito facilitada.

Descubra o B2b ferramenta multicanal no mercado, lançado em 2022!

waalaxy import

Assim, graças a este tutorial, já sabe como fazer prospecção LinkedIn graças a estes 20 exemplos de prospeção mensagens para reutilizar no seu negócio!

Quer ir mais longe? ​

Gostaria de começar a automatizar a sua prospeção LinkedIn ? Gostaria de avaliar as ferramentas existentes no mercado e determinar

18/04/2024

Conhece os termos geração x y z, silent, boomers ou alpha ? Trata-se de uma classificação de nascimentos, estabelecida com

17/04/2024

Como fazer o candidate sourcing e o que é ? Esta é uma pedra angular no domínio do recrutamento e

15/04/2024

Obtenha o livro eletrônico definitivo para prospecção multicanal 📨

7 exemplos de mensagens de prospecção bem-sucedidas para aumentar as taxas de resposta de suas campanhas de prospecção.

Ebook-7-messages-PT-mockup

7 exemplos de mensagens de prospecção bem-sucedidas no LinkedIn

Newsletter

Masterclasses

Dans la piscine

Sucess story